Sexta-Feira, 18 Agosto 2017

social

Jornal Mercado de Trindade

Sáb, 10 de Junho de 2017 13:08

Dairdes pede orações. Ela e Jânio prestigiam homenagem ao Dia do Pastor na Câmara de Trindade

Dar nota para esse item
(0 votos)

Nesta sexta-feira, 9, Plenário do Legislativo lotado, várias autoridades presentes, entre estas o prefeito de Trindade Jânio Darrot (PSDB), a primeira-dama Dairdes Darrot, o presidente da Casa, vereador Hélio Braz (PSDB) e dezenas de representantes, pastores de igrejas do munícipio prestigiaram Sessão Solene que homenageou o Dia do Pastor, uma propositura do vereador Pastor Alcione (PRB).

Alcione disse que naquela noite realizou um grande propósito de vida; lembrou de ações importantes que são realizadas pelos pastores, no apoio constante, a qualquer dia e hora que estes realizam em favor do povo.

Dairdes pediu orações para a administração municipal. “Trindade esteve muito bem guiada, nestes últimos quatro anos, com a gestão do Jânio, peço que orem para que ele supere as adversidades que são comuns e constantes na vida política”, disse aplaudida, a primeira-dama.

Jânio usou a fala por muito tempo, emocionou  quando se referiu e elogiou a humildade da Dairdes, em seus pedidos; parabenizou o comprometimento popular e agradeceu a parceria dos evangélicos em seu governo; fez um relato dos grandes feitos da sua administração, principalmente nos aspectos que colaboraram com a melhoria de vida das pessoas, investimentos em Saúde, Educação e Assistência Social, cuidando com zelo das crianças e da melhor idade.

Desde os tempos do Antigo Testamento os líderes do povo de Deus (reis, sacerdotes, profetas) já eram chamados de pastores (ver exemplo em Jer. 23:1-4) porque tinham a função de guiar, conduzir o povo pelos caminhos estabelecidos por Deus.

No Novo Testamento encontramos três designações para a mesma pessoa que é responsável pela condução da igreja, do povo de Deus. Em Atos 20:17,28, encontramos o apóstolo Paulo reunido com os anciãos da igreja de Éfeso (v.17), aos quais chama também de bispos e declara que foram constituídos para exercerem a tarefa de pastoreio. Neste texto fica estabelecido que na igreja primitiva o que pastoreava era, também o bispo que supervisionava e, ainda, o ancião (ou presbítero) que ensinava, aconselhava exortava.

Daí por diante, vamos encontrar o apóstolo Paulo sempre se referindo aos incumbidos de dirigirem as igrejas de Cristo, como pastores, ou presbíteros, ou bispos (ver  Ef. 4:11; Heb. 13:7,17 e Tito 1:5,7) e nunca se referindo a eles como pessoas diferentes em cargos diferentes. O que precisamos entender é que o líder da igreja, na realidade, desempenha funções essenciais para a condução do povo de Deus.

Imprensa – Prefeitura de Trindade
Texto e fotos: Fábio PH